Cinelândia (Centro da Cidade do Rio de Janeiro)

179

Sem sombras de dúvidas foi o principal marco urbanístico (1904) do início da República, em companhia da antiga Avenida Central, atual Av. Rio Branco. A praça é também conhecida por ser a concentração de manifestações públicas, seja políticas ou carnavalesca. Cinelândia é o nome popular da praça, mas o seu verdadeiro nome é Praça Floriano em homenagem ao nosso segundo presidente Marechal Floriano Peixoto.

 Quando falamos da Cinelândia, quase nos confundimos com um bairro dentro de outro bairro. A Cinelândia é uma das entradas do Centro da Cidade para quem vem da Zona Sul e era a principal saída do Centro para a Zona Sul da cidade. Mas como a praça teve o seu diâmetro aumentado com a nova urbanização que a cidade sofreu devido as obras para as olimpíadas, teve o seu trecho onde passavam os ônibus e os carros que iam em direção à Zona Sul fechado. E nesse trecho que foi fechado foi aberto um “Boulevard” para pedestres, com ciclovias, bancos e um charmoso trilho por onde transita o VLT como em algumas cidades Europeias, com isso a única maneira de ir para a zona Sul de lá é usando o metrô ou se deslocando para um outro local mais próximo e pegar um ônibus. Táxi ou Uber é possível pegar na rua Evaristo da Veiga, em frente ao Theatro Municipal.



 Se ficarmos parados no centro da praça podemos apreciar diversos estilos arquitetônicos que por si próprios contam a sua importância histórica e a história do Estado da Guanabara. Ali você vai encontrar o Theatro Municipal, a Biblioteca Nacional, o Museu Nacional de Belas Artes, o Palácio Pedro Ernesto “Câmara Municipal”, o histórico bar Amarelinho, a alegoria positivista, o Cine Odeon, o Centro Cultural Justiça Federal e a praça Mahatma Gandhi onde ficava o palácio Monroe antiga sede do Senado brasileiro que foi destruído com desculpas para as obras do metrô na década de 70 do século XX.

Mas o que aqui era antes de ser a famosa Cinelândia?

A praça foi construída ao lado do convento denominado Convento da Ajuda, que foi construído no meado do século XVIII (1745 – 1750) e demolido na primeira década do século XX (1911) mantendo somente o chafariz das Saracuras, criado pelo mestre Valentim e que se encontra no Praça General Osório em Ipanema.

Com a demolição do convento como já previsto no projeto urbanístico de 1904, Francisco Serrador um empresário espanhol morador do Rio de janeiro e proprietário de cassinos, cinemas, teatros e hotéis teria o sonho de transformar a praça Floriano, antiga praça da mãe do bispo, em uma área de diversões, uma versão brasileira da Times Square.

O nome Cinelândia só veio se popularizar a partir dos anos 30 com a instalação de dezenas de cinemas, teatros, boates, bares e restaurantes, tornando-a referência em diversão. A região passou a ter as melhores salas de cinema da cidade, se não do Brasil, como o Cine Odeon que é o único que continua no local mantendo o charme da época, Cineac Trianon, Cinema Parisiense, o Império, o Pathé, o Capitólio, o Rex, o Rivoli, o Vitória, o Palácio, o Metro Passeio, o Plaza e o Colonial.

O que fazer?

Seja bem vindo a essa atração da Cidade do Rio de Janeiro , aqui você poderá contemplar toda sua beleza e história. Tirar fotos e apreciar as alegorias positivista, a de Mahatma Gandhi, do Obelisco da Cidade e de toda a arquitetura ao redor da praça com construções de estilos Neo Clássicos, Ecléticos, Art Decó entre outros. Visitar o Theatro Municipal ou até mesmo assistir a um espetáculo, Visitar também a Biblioteca Nacional e o Museu Nacional de Belas Artes. Almoçar nos bares ao redor até mesmo pegar um cineminha no charmoso Cine Odeon. Assistir a um teatro entre outras coisas, por ali você está bem perto da Lapa que é uma zona turística e boêmia da Cidade.

Como Chegar?

A melhor maneira de se chegar na Cinelândia é pelo Metrô, onde o nome da estação é o mesmo nome da praça.

Existem diversas histórias dessa praça, caso queira conhecer mais da praça, fazer um passeio por ela e em seus arredores e até mesmo fazer alguma observação, críticas e qualquer tipo de comentário basta entrar em contato pelo formulário abaixo, muito obrigado pela visita.

COMPARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

Deixe o seu comentário

Please enter your comment!
Please enter your name here